Política

Exclusivo: Saiba como funcionará aplicativo para taxistas da Prefeitura de Salvador

[Exclusivo: Saiba como funcionará aplicativo para taxistas da Prefeitura de Salvador]
15 de Março de 2019 às 18:00 Por: BNews Por: Henrique Brinco0comentários

A Prefeitura de Salvador promoverá em breve o lançamento do aplicativo TáxiMobi, exclusivo para taxistas da cidade. O serviço seria lançado antes do Carnaval, mas acabou sendo adiado em virtude da não homologação da Apple. O programa já está disponível, no entanto, para PlayStore do Google. Detalhes do projeto, no entanto, serão mantidos em sigilo pela Prefeitura de Salvador até o lançamento.

Segundo fontes do BNews, o prefeito ACM Neto (DEM) pode apresentar o projeto na semana do aniversário da cidade "como mais um presente". O aplicativo é leve e trabalha exclusivamente com táxis. Permite que a prefeitura faça gerenciamento em tempo real, inclusive com controle de demanda. Também será possível o usuário fazer reclamação pelo próprio app.

Além disso, os motoristas usarão pontos do metrô fazendo que uma sistema de integração, sendo que o táxi completará o transporte até dentro dos bairros. Vai funcionar da seguinte maneira: se o usuário soltar na região do Acesso Norte, mas precisar ir para Pernambués ou Vila Laura, poderá comprar um ticket e entregará ao taxistas.

Só será permitido táxis que pertencem ao sistema de empresas de táxi e cooperativa que fazem parte do aplicativo. Todos deverão aceitar cartão de crédito e débito. Ainda segundo o BNews apurou, as vistorias já estão sendo feitas. Todos os veículos terão que estar com a documentação em dia e ter máquina de cartão de crédito, débito e ar-condicionado.

O aplicativo não terá bandeira 2 e só vai rodar com bandeira 1, com 20% de desconto para o usuário. Uma corrida que custaria R$ 15,00 no táxi convencional vai custar R$ 12,00. "A TaxiMob nasceu na união de algumas cooperativas e empresas para não deixar de atender nenhum cliente ou seja um irá apoiar o outro onde chamar a corrida, faremos um compartilhamento. Estamos em conversa com a prefeitura e alguns apoiadores, mas acredito que no início do próximo mês iremos entrar em plena atividade", revela um taxista de uma das cooperativas.

"Vamos trabalhar todos juntos pra valorizar e favorecer a classe taxista. Um detalhe a prefeitura não está cobrando e nem vai receber nada pelo apoio que está nos dando, e nos como empresas e cooperativas também só iremos usar o aplicativo pra compartilhar e dar apoio um aos outros, vamos multiplicar o número de carros por toda cidade, onde tiver passageiro irá ter um TáxiMob", completa.

Procurado pelo BNews, o secretário de Mobilidade, Fábio Mota, não quis dar detalhes sobre o aplicativo e afirmou que todas as dúvidas serão sanadas em uma coletiva de imprensa. "Na coletiva vou explicar tudo, mas posso dizer que será um aplicativo que vai dar 20% de desconto sobre a bandeira de táxi", confirmou.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas