Política

Lídice diz que mensagens revelam "relação promíscua" entre Moro e Dallagnol

[Lídice diz que mensagens revelam
13 de Junho de 2019 às 15:55 Por: BNews Por: Henrique Brinco 0comentários

A deputada federal Lídice da Mata (PSB) acredita que as mensagens reveladas pelo site The Intercept Brasil "demonstram uma relação espúria entre o ex-juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol, com uma situação que rompe com a Constituição, com o estado de direito". 

Segundo a parlamentar baiana, "um juiz não pode se relacionar com o acusador ou com o defensor". "Com nenhuma das partes! O juiz deve apenas julgar", avalia, em tom de indignação.

Lídice diz que a tese de que havia uma "articulação política" na investigação envolvendo o ex-presidente Lula "está se provando verdadeira". "E esse momento é de não aceitarmos desculpas, é de exigirmos as investigações. Investigações estas que até então demonstram essa ligação", destaca. 

A baiana defende que "é preciso ir mais fundo" nas investigações. "É muito grave que o Ministério Público, que tem a função acusatória num processo, e o juiz, que é aquele que tem a função de ser neutro e julgar diante das regras da lei, tenham tido uma relação tão próxima, tão promíscua e difícil de ser compreendida à luz da lei", completa.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas