Política

Neto orienta bancada a evitar acirramento político e não causar constrangimento a Rui na Câmara

[Neto orienta bancada a evitar acirramento político e não causar constrangimento a Rui na Câmara]
14 de Agosto de 2019 às 11:55 Por: Tamirys Machado Por: Tamirys Machado 0comentários

Principal opositor à Rui Costa, ACM Neto tratou a ida do governador à Câmara Municipal para falar do VLT (Veículos Leve sobre Trilhos) com diplomacia. Ele orientou a bancada a não fazer acirramento político com o fato. “Queria deixar claro que a ida do governador deve ser respeitada, não é momento de se fazer qualquer tipo de enfretamento político ou causar nenhum constrangimento ao governador. Até aproveito aqui, porque não tive oportunidade de falar com vereadores da nossa base sobre isso. Meu pensamento é que nossos vereadores por eventuais questões políticas partidárias, não se deve criar qualquer tipo de constrangimento ao governador”, afirmou, na manhã desta quarta (14). 

Sobre a possibilidade de Rui pedir aos vereadores isenção fiscal do VLT, Neto disse que cabe ao poder municipal. “Em relação a eventual isenção de tributos para o VLT acho que o governador tem que conversar com a prefeitura sobre o assunto. Claro que a palavra final é da Câmara, mas a autoria de uma eventual isenção cabe ao poder municipal, e isso nunca foi tratado com a gente”, explicou. 

O prefeito ressaltou ainda que a prefeitura de Salvador precisa conhecer o projeto do VLT.  “A prefeitura precisa conhecer o projeto. Nós não sabemos como ele vai se encaixar na cidade. Com é o plano de execução das obras. Nós não sabemos como é que depois o projeto vai se integrar ao nosso sistema de transporte público, que já tem outros modais, como ônibus e metrô”. 

Nesta quarta (14), o governador Rui Costa visita à Câmara para apresentar o projeto do VLT. O novo modal vai ligar Salvador até Ilha de São João, em Simões Filho, município da Região Metropolitana. As obras estão previstas para começar em setembro. A proposta é que o trem saia de Ilha de São João, passe pelo Subúrbio Ferroviário, Calçada, até a estação Acesso Norte do metrô. Um total de 22 km de extensão. Desde que assumiu a presidência da Câmara, Geraldo tem demonstrado uma boa relação com o Governo do Estado, assim como com o Governo Municipal.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas