Política

ACM Neto usa tom moderado sobre soltura de Lula: "uma hora isso ia acontecer"

[ACM Neto usa tom moderado sobre soltura de Lula:
Por: Roberto Viana/ BNews Por: Aina Kaorner e Eliezer Santos 0comentários

O prefeito de Salvador e presidente nacional do Democratas, ACM Neto, reagiu de forma ponderada sobre a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na tarde desta sexta-feira (8), após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que vetou a prisão após condenação em segunda instância. 

“Decisão do Supremo tem que ser respeitada, mesmo quando com ela não se concorda [...] Receio que isso acabe contribuindo para a impunidade no Brasil, mas a decisão foi tomada. Tecnicamente não há o que discutir, tem que ser, portanto, respeitada”, declarou em entrevista, durante a inauguração da iluminação cênica da Basílica Santuário do Senhor do Bonfim.

“E claro, a soltura do ex-presidente Lula passa a ser uma consequência natural da decisão tomada pelo Supremo Tribunal Federal e deve ser vista, portanto, dentro da legalidade [...] da mesma forma que a prisão dele foi feita dentro da legalidade, a soltura ocorre dentro da legalidade”, avaliou.

Neto também afirmou não ter prognóstico de que a liberdade de Lula mexará na conjuntura política nacional. 

“A soltura do ex-presidente Lula, sendo jurídica, tem que ser respeitada. Mais cedo ou mais tarde iria acontecer e não vejo que isso venha mudar o cenário político brasileiro. Mesmo preso, o ex-presidente mantinha a sua liderança e continuava fazendo política. Não vejo no que é que isso [a soltura] muda”, argumentou. 

Relacionadas:

MBL-BA convoca manifestação após soltura de Lula

Lula ataca Bolsonaro e quer Brasil "sem um governo que não minta tanto"

Fora da cadeia, Lula ataca "lado podre do Estado Brasileiro"

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas