Política

Justiça suspende nomeação de presidente da Fundação Palmares

[Justiça suspende nomeação de presidente da Fundação Palmares]
Por: Arquivo pessoal Por: Marcio Smith 0comentários

O juiz da 18ª Vara Federal do Ceará, Emanuel José Matias Guerra, acatou a Ação Popular proposta contra a decisão do governo Jair Bolsonaro (sem partido) de nomear Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares. Em um despacho de nove páginas assinado nesta quarta-feira (04), Guerra suspende o ato assinado pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), que o colocou no cargo.

O juiz argumenta que a análise das publicações encaminhadas pelo autor da ação civil, Hélio de Sousa Costa, "aponta para a existência de excessos" em declarações do presidente da Fundação Palmares. “Não serão aqui repetidos alguns dos termos expostos nas declarações em frontal ataque as minorias cuja defesa, diga-se, é razão de existir da instituição que por ele é presidida”, registra o juiz.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas