Política

Ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobrás é denunciado na Lava Jato por propina de R$ 90 mil

[Ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobrás é denunciado na Lava Jato por propina de R$ 90 mil]
Por: Tânia Rêgo/Agência Brasil Por: Redação BNews 0comentários

O ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobrás, Armando Tripodi, foi denunciado nesta quarta-feira (4), pela força-tarefa da Operação Lava Jato, por corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo contratos do Grupo Keppel Fels com a estatal. 

Segundo a denúncia, o representante do grupo Keppel Fels, Zwi Skornicki, teria procurado Tripodi em 2011 para obter vantagem em licitações e contratos com a Petrobrás. Em troca, a empresa teria pago propina no valor de R$ 90 mil, através de aparelhos de som e serviço de automação para a residência de Tripodi. 

Tripodi já era denunciado pela Lava Jato por suposto desvio de recursos envolvendo a construção da Torre Pituba, sede da Petrobrás em Salvador.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas