Política

Bolsonaro confirma nomeação de presidente da Fundação Palmares que definiu racismo como "benéfico"

[Bolsonaro confirma nomeação de presidente da Fundação Palmares que definiu racismo como
Por: Reprodução/Facebook Por: Redação BNews 0comentários

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta quinta-feira (13) a nomeação do jornalista Sérgio Camargo para a Fundação Palmares. Nesta quarta-feira (12),  Supremo Tribunal da Justiça (STJ) derrubou uma liminar que impedia a sua nomeação para o órgão responsável pela promoção da cultura de matriz africana.

O presidente do STJ, João Otávio de Noronha, atendeu a um pedido da Advocacia-Geral da União (AGU).

“Ele volta pra lá [Fundação Palmares]”, disse Bolsonaro, na saída do Palácio da Alvorada. “Eu acho que o garoto que foi liberado ontem é uma excelente pessoa”, completou. As informações são da Folha de S. Paulo.

A nomeação de Sérgio para o cargo, em novembro do ano passado, foi alvo de críticas e retaliações, principalmente pelo posicionamento do jornalista nas redes sociais. Contrário ao "vitimismo" e ao politicamente correto, ele já afirmou em seu perfil que o Brasil tem um "racismo nutella" e que a escravidão foi "benéfica para os descendentes".

Curiosamente, Sérgio é filho de Oswaldo de Camargo, especialista em literatura negra e militante da causa racial. Em outro post, o nomeado para a presidência da Fundação chama o feriado do Dia da Consciência negra de "vergonha", e que é um dia criado pela esquerda para "propagar o revanchismo histórico".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas