Política

Afonso Florence entrará com ação de impedimento contra ministro do Meio Ambiente

[Afonso Florence entrará com ação de impedimento contra ministro do Meio Ambiente]
Por: Arquivo BNews Por: Redação BNews 0comentários

Para o deputado federal Afonso Florence (PT), a declaração do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, durante a reunião ministerial do dia 22 de abril, configura crime de responsabilidade e demonstra a intenção do governo Bolsonaro de acabar com os instrumentos de controle da devastação ambiental.

O parlamentar baiano, que moveu ação contra a nomeação do ministro em fevereiro de 2019, afirma que entrará com pedido de impedimento.  No vídeo, divulgado nesta sexta-feira (22) após decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello, Salles afirma que a crise do coronavírus é uma “oportunidade” para a desregulamentação ambiental, com todas as atenções da imprensa voltadas para a pandemia.

“Vou entrar com pedido judicial pelo impedimento de Ricardo Salles. Ele propõe que o governo aproveite a crise sanitária para desregulamentar a gestão ambiental, extinguindo parâmetros de sustentabilidade, garantia de transparência e instrumentos de comando e controle. Se isso ocorrer haverá devastação ambiental. Ele é um criminoso”, disse o deputado petista.

Segundo o parlamentar, uma das evidências do afrouxamento das políticas de controle pelo governo são os registros do desmatamento na Amazônia Legal. Os alertas divulgados pelo sistema Deter (Detecção de Desmatamento em Tempo Real), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), registraram recorde histórico de desmatamento no primeiro trimestre de 2020.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas