Política

Ministro Barroso, do STF, curte post com acusação a Bolsonaro e se desculpa

[Ministro Barroso, do STF, curte post com acusação a Bolsonaro e se desculpa]
Por: Roberto Jayme/ASCOM/TSE Por: Redação BNews 0comentários

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso se desculpou por ter curtido um post no Twitter com uma acusação ao presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido).

Barroso foi alvo de críticas após ter dado "like" em um tuíte da revista IstoÉ com uma declaração do deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) que dizia que "o sonho de Bolsonaro é fechar Congresso e STF, mas ele não tem apoio popular nem das Forças Armadas para isso". "E aí ministro Barroso, curtir a narrativa fake do Kim pode?", criticou uma usuária na rede social.

 

 

Nesta segunda-feira (29), o presidente do TSE voltou ao Twitter, e escreveu: "curti ontem um post sem querer. Ainda estou me adaptando a esta rede. Não curto posts com conteúdo de polarização política. Ao contrário, busco contribuir para o aprimoramento das instituições e para o debate racional de ideias. Agradeço a quem me alertou sobre o engano".

 

 

Na presidência do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso está à frente da organização das eleições municipais deste ano no país. Além disso, tramitam no TSE sete pedidos de cassação da chapa composta por Jair Bolsonaro e o vice Hamilton Mourão (PRTB) por abuso de poder econômico durante a campanha eleitoral de 2018.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas