Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

CPMI das Fake News deve enviar investigações sobre Eduardo Bolsonaro para PF nesta segunda

[CPMI das Fake News deve enviar investigações sobre Eduardo Bolsonaro para PF nesta segunda]
18 de Outubro de 2020 às 17:50 Por: Jane de Araújo/Agência Senado Por: Pedro Vilas Boas

O presidente da CPMI das Fake News no Congresso, senador baiano Angelo Coronel (PSD), informou ao BNews que a comissão deve enviar informações sobre as investigações relacionadas ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) à Polícia Federal nesta segunda-feira (19).

Segundo o parlamentar, a PF enviou novamente a solicitação de acesso de forma mais detalhada, como ele havia pedido no início deste mês.

Inicialmente, Coronel negou o pedido da PF para ter acesso a investigação sobre a participação de Eduardo na ação de grupos organizados para ataques nas redes sociais e para a disseminação de desinformação por ser uma solicitação "muito genérica".

"Amanhã vou dar uma olhada, pra encaminhar, de acordo com avaliação da advocacia do Senado, já que só faço tudo dentro do regimento. A advocacia vai dizer o que nós podemos enviar ou não, já que tem documentos que estão sob sigilo", disse à reportagem neste domingo (18).

A solicitação da PF foi motivada pelo deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP), que, em depoimento, apresentou diversos números de IPs de computadores de Brasília e do Rio que teriam sido utilizados na disseminação de notícias falsas. Segundo ele, os IPs estão ligados a um e-mail oficial do filho do presidente. Essas informações teriam sido obtidas na CPMI das Fake News.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso