Política

Zezéu ou Negromonte podem suceder França Teixeira no TCE

[Zezéu ou Negromonte podem suceder França Teixeira no TCE]
19 de Julho de 2013 às 18:54 Por: Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Nem bem o corpo do ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), França Teixeira, esfriou e já se cogita quem será o novo integrante da corte estadual. Após o falecimento do radialista clássico, estão fortes as especulações sobre quem poderá sucedê-lo e, neste debate, ganham força dois nomes da política baiana: os deputados federais Zezéu Ribeiro (PT) e Mário Negromonte (PP).
 
Para que eles possam disputar a vaga, porém, a decisão disto deve ser do governador. Entretanto, ainda não há confirmação de que o substituto de França Teixeira será nomeado por meio de indicação do governador Jaques Wagner ou por merecimento. Caso seja na primeira modalidade, os deputados são os favoritos por enquanto, cada um por suas peripécias em relação ao governo petista.
 
O caso de Zezéu é mais claro. Petista histórico, já frequentou todos os cargos parlamentares, foi candidato ao Governo do Estado e também, recentemente, passou pela Secretaria de Planejamento, atualmente coordenada por José Sérgio Gabrielli. De volta ao seu mandato em Brasília, é um quadro de força interna inegável e, por conta disto, desejado dentro da Bahia e não em Brasília. Para reforçar o coro, com a idade e peso avançados, Zezéu tem dificuldades de saúde que podem ser minoradas caso ele permaneça fixo em Salvador.
 
Para Negromonte, o caso é a boa relação com o governador e também sua importância como aliado da base. Presidente estadual do PP, tem quadros influentes nacional e estadualmente no partido, apesar de estar relativamente enfraquecido desde que saiu do Ministério das Cidades. Experiente, tem o desejo de sair da vida política e exercer um cargo de menor pressão. 
 
Porém, o TCE pode não ser a opção prioritária de Negromonte no momento, mas sim outra corte: o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Comenta-se que, com a aposentadoria compulsória do presidente Paulo Maracajá no ano que vem por advento de seu aniversário de 70 anos, a vaga aberta pode cair no seu colo. Para isto, basta abrir mão do TCE por Zezéu e seu futuro estará garantido.

Nota originalmente postada às 12h do dia 19
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar