Região Metropolitana

Após denúncias, implantação do Parque das Dunas de Abrantes e Jauá é discutida

[Após denúncias, implantação do Parque das Dunas de Abrantes e Jauá é discutida]
Por: Reprodução Por: Adelia Felix 0comentários

A implantação do Parque Municipal das Dunas de Abrantes e Jauá, em Camaçari, na região metropolitana de Salvador, vai ser discutida em audiência pública, neste sábado (05), a partir da 8h, na Associação Beneficente, localizada na Praça de Jauá. O Parque das Dunas, criado há 41 anos, é alvo de crimes ambientais causados pela retirada irregular de areia, queimadas, desmatamento e especulação imobiliária, além da exploração irregular e ilegal dos recursos naturais.

O crime ambiental foi denunciado ao BNews, em agosto do ano passado, por Moradores da Rua Aquarius e Via Parque (AVP).  Segundo o conselheiro fiscal da Associação, Gustavo Snoeck, quase um quilômetro quadrado da Área de Proteção Ambiental (APA) já foi destruído após extração ilegal de areia. 

Para reportagem, ele afirmou que, além do “roubo indisfarçado de areia das dunas”, o local tem sido alvo da ação de grileiros, e servido também para a prática ilegal de eventos esportivos. Snoeck reclamou também que os órgãos públicos agem com “descaso e indiferença”. 

O evento que acontece neste fim de semana é organizado pela Frente Parlamentar Ambientalista da Bahia, coordenada pelo deputado estadual Marcelino Galo (PT), e pelo movimento SOS Dunas de Abrantes e Jauá. 

Relacionada

Crime ambiental: APA em Jauá e Abrantes é destruída e invadida por grileiros

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas