Cidades

Lauro: desempregados fazem protesto em frente a canteiro de obras do metrô

[Lauro: desempregados fazem protesto em frente a canteiro de obras do metrô]
17 de Maio de 2017 às 08:55 Por: Divulgação Por: Redação BNews
Na manhã desta quarta-feira (17), representantes da Associação dos Desempregados da Bahia (Asdeba) realizam uma manifestação em frente a um canteiro de obra do metrô, em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador. No protesto, o grupo interditou uma das faixas da Estrada do Coco, no sentido Lauro de Freitas.
 
Segundo a diretoria da Asdeba, a construtora Ferreira Guedes e a CCR Metrô descumpriram um acordo firmado com associação, que era a contratação direta dos trabalhadores, que agora será feita através da Casa do Trabalhador, em Lauro de Freitas.
 
 
A associação reivindica que os trabalhadores sejam empregados na obra da Linha 2 do Metrô, e afirma ainda que são contra a admissão de trabalhadores de outros estados. Na semana passada, os trabalhadores também fizeram um protesto no local.
 
Por meio de nota enviada ao BNews, a assessoria da CCR Metrô Bahia e a construtora Ferreira Guedes esclarecem que, "para facilitar o fluxo e acompanhamento das demandas, foi alinhado com o poder público municipal que os interessados em trabalhar no canteiro de obras do Terminal Aeroporto e do complexo viário para implantação do metrô na região devem entregar seus currículos na Casa do Trabalhador; bem como reforçam que não há vagas disponíveis no momento". Ainda de acordo com a assessoria, a CCR também informa que, atualmente, 92% da mão de obra utilizada nas obras da Linha 2 é local, contribuindo para a geração de empregos em Salvador e Região Metropolitana.
 
 
Atualizada às 10h31
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar