Coronavírus

Prefeitura de Salvador prorroga decretos com restrições por mais sete dias

[Prefeitura de Salvador prorroga decretos com restrições por mais sete dias]
Por: Arquivo / BNews Por: Redação BNews 0comentários

Excepcionalmente, a prefeitura de Salvador vai prorrogar os prazos dos decretos de suspensão das atividades por mais sete dias. Será até o dia 7 de julho, conforme anunciado pelo prefeito ACM Neto.

Os decretos suspendem o funcionamento de academias; teatros; cinemas; casas de shows; shoppings centers e centros comerciais; clubes sociais, recreativos e esportivos; acesso às praias; bares e restaurantes; salões de beleza; e mercados municipais.

O prefeito explicou que a medida foi tomada para que haja tempo de debater um plano único de protocolos com o governo do Estado. 

"Fui bastante pressionando para que esse plano fosse apresentado antes, mas tudo foi feito dentro do seu tempo", disse. 

"Tomamos o cuidado de definir as bases para essa retomada. Que indicadores precisariam ser alcançados para que as coisas pudessem começar a voltar. Nos debruçamos sobre isso", completou.

Os eventos, por exemplo, o prefeito salientou que não há possibilidade de retomada momentaneamente. 

Apesar de ter anunciado que os protocolos de retomada, previstos para a próxima semana, cuja antecipação foram anunciada pelo prefeito nesta semana, não foram explicados. O prefeito explicou que tudo depende da conversa com o comitê gestor criado junto com governo do Estado.

Ao meio dia, Rui e Neto de reúnem para alinhar os últimos detalhes do plano de retoma do plano conjunto. Além dos dois, os secretários da Saúde, Fábio Villas Boas e Léo Prates, além do secretários de Planejamento de Estado, Walter Pinheiro, e o da Casa Civil do Município, Luiz Carrera.

“Não tenho dúvida que é o melhor para a cidade, para o estado, para os profissionais, para o cidadão em geral. Até porque regras distintas podem causar confusão, a exemplo que vem acontecendo em outras capitais do país. Como as convergências (entre os planos) são infinitamente superiores às dúvidas, estamos convencidos de que vamos conseguir construir uma iniciativa comum em benefício do cidadão e das pessoas diretamente afetadas pela pandemia”, destacou ACM Neto.

 

Matéria atualizada as 13h37

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas