Economia e Mercado

Turismo doméstico em alta na Bahia

[Turismo doméstico em alta na Bahia]
22 de Setembro de 2010 às 15:49 Por: Luiz Fernando Lima
Nos primeiros oitos meses deste ano houve um aumento de 12,95% nos desembarques nacionais em Salvador, em comparação com o ano anterior. Quase dois milhões de pessoas chegaram à capital do estado de janeiro a agosto. De acordo com o presidente do Conselho Baiano de Turismo, Silvio Pessoa, um conjunto de ações de todo o Trade Turístico colaborou para o bom desempenho.

“Eu acredito que fatores como ascensão social e o crescimento do poder de consumo da classe C, além do aumento do crédito foram fundamentais para alcançar os resultados”, defende Pessoa. Ainda para o presidente do conselho, os eventos como a Stock Car e os congressos têm também a sua cota no bom desempenho. Segundo Pessoa, a média de ocupação nos 22 maiores hotéis da cidade até agosto ficou em 63%. “Desde julho vários hotéis estão funcionando com todos os quartos ocupados” revela.

O turismo doméstico vem sendo o grande responsável pelo aquecimento do mercado de viagens, por outro lado, segundo Pessoa, o número de estrangeiros que visitam o país, anualmente, está estagnado em cinco milhões, há mais de 10 anos. Contudo, o presidente ressalta que as estimativas dão conta de que até 2014 este número deve chegar a nove milhões. “O Brasil é o país do momento, temos uma Olimpíada e um Copa do Mundo pela frente, o incremento projetado é de 80%, mas pode ser ainda maior”, reforça.

O presidente do Conselho ainda fez questão de rebater as afirmações de que Salvador é uma das cidades mais caras. “A média da diária hoteleira na capital da Bahia é R$ 163. As de São Paulo e Rio de Janeiro ficam entre R$ 200 e R$ 250”, conclui.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar