Eleições

Paulo Souto critica Wagner

[Paulo Souto critica Wagner]
03 de Outubro de 2010 às 16:48 Por: Luiz Fernando Lima
O candidato ao Governo do Estado, Paulo Souto (DEM) aproveitou o momento da votação para criticar duramente seu principal adversário na corrida eleitoral, Jaques Wagner (PT). O ex-governador disse que considera um absurdo as irregularidades da campanha do petista. Citou como exemplo os repasses às prefeituras e outras instituições que foram suspensos por determinação da Justiça Eleitoral. “Publicaram convênios e transferiram recursos numa época absolutamente vedada pela lei eleitoral e se isso for considerado legitimo, acho que se deve rasgar a legislação eleitoral do ponto de vista da influência de governo no resultado das eleições. Não é apenas isto, nós estamos falando somente daquilo que é ilegal, no entanto, podemos falar também de outras situações que podem até ser legais, mas seguramente não são éticas. Em três anos, o governo assinou convênios com os municípios de R$ 170 milhões. Em seis meses de 2010, assinou convênios na ordem de R$ 180 mi. Isto foi claramente utilizado para cooptar lideranças que não eram governistas”, desabafou Souto.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar