Eleições

Promotora fala sobre cabo eleitoral

[Promotora fala sobre cabo eleitoral]
03 de Outubro de 2010 às 14:08 Por: Maiana Brito e Thiego Souza
Em relação aos casos de cabos eleitorais ocorridos no Colégio Luiz Viana, a promotora do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), Marília Peixoto, afirmou que em caso de excesso, os infratores seriam conduzidos pela Polícia Militar. Mas, prefere primeiro orientar de que é ilegal. Em caso de insistência, a pessoa é encaminhada à polícia e responde por crime eleitoral. “Além de ser preso, o cabo eleitoral responde a processo”.

Os coordenadores estavam correndo atrás dessas pessoas para fazer a advertência. Na maioria dos casos, eram crianças com os bolos de santinhos na mão e jogavam fora. De acordo com a promotora, até as 12h, não foi registrada nenhuma ocorrência mais grave.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar