Eleições

PV: decisão somente no domingo

[PV: decisão somente no domingo]
13 de Outubro de 2010 às 21:46 Por: Luiz Fernando Lima
O encontro de lideranças do Partido Verde acabou no final da tarde desta quarta-feira (13) manteve aberta a decisão sobre o apoio da legenda no segundo turno. De acordo com o presidente do diretório regional do partido na Bahia, Ivanilson Gomes, nesta reunião a única medida aprovado foi a de quem terá direito a voto na convenção que será realizada no próximo domingo (17) em São Paulo, a partir das 10h.

“Terão direito a voto os membros da executiva nacional, os deputados eleitos e os representantes do que chamamos de Núcleos Vivos da Sociedade – que é composto por setores que ajudaram a construir a candidatura de Marina Silva à presidência da República – integram estes núcleos os artistas, intelectuais entre outros”, revelou Gomes.

Segundo o presidente estadual do PV, existem três hipóteses de resolução: declara apoio a Dilma Rousseff (PT); declarar apoio ao José Serra (PSDB); e liberar os diretórios estaduais para apoiar um ou outro candidato a partir das relações estabelecidas regionalmente.

Inclusive será para esta última opção que Gomes vai dar o seu voto pessoal. Ele que tem direito à voto por ser da executiva nacional. “Acredito que liberar as regionais contribui para manter o partido unificado evitando que sejam abertas grandes feridas no partido” antecipa.  O entendimento do presidente é o mesmo do deputado federal, Edson Duarte, que também tem direito a voto. Já sobre o voto de Marina Silva, Gomes jura que não sabe ainda, e que a senadora vai revelar apenas após a plenária.

A estimativa do PV é de que cerca de 100 membros da executiva votem, além de, pelo menos, 15 representantes dos núcleos vivos.

Bahia

Na estado, apenas Gomes e Duarte tem direito a votar, isto por pertencerem à executiva nacional. No entanto, o ex-ministro Gilberto Gil e Caetano Veloso também poderão votar por serem considerados membros dos núcleos vivos. “mas eles, diferentemente de nós, não são obrigados a votar.

Por aqui a situação também tem outro complicador. O candidato derrotado ao Governo do Estado Luiz Bassuma já declarou que vai votar em José Serra. Mais que isto, o verde disse que não votaria em Dilma em nenhuma hipótese. Por outro lado, Bete Wagner e Juliano Matos, ambos integraram a gestão estadual petistas, e apóiam Dilma.

Questionado se a situação de Bassuma, que se posicionou publicamente a favor do tucano, seria similar à do também derrotado candidato ao Governo do Rio de Janeiro, Fernando Gabeira, que está com Serra, Ivanilson Gomes afirmou que há uma diferença fundamental. “O Gabeira pediu permissão ao partido para se manifestar publicamente e Bassuma, não”, disse. No entanto, nenhuma punição será aplicada ao candidato derrotado da Bahia.

O PV estadual marcou para a próxima sexta-feira (15) uma reunião na sede do partido no Rio Vermelho, em Salvador, para ouvir as opiniões dos militantes da legenda.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar