Eleições

Moema ataca Bassuma

[Moema ataca Bassuma ]
16 de Outubro de 2010 às 00:01 Por: Daniel Pinto
A prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT) - que coordena a campanha de Dilma Rousseff na Bahia - não gostou nada de ver as declarações de Luiz Bassuma (PV) publicadas no Bocão News de que a candidata petista deveria ser punida pelo próprio partido por mudar de opinião em relação ao aborto.

Segundo a prefeita, Bassuma não foi suspenso do PT “por defender a vida”. “Ele sempre foi indisciplinado. Nunca atendeu às orientações do partido. Sei disso porque fui líder de bancada quando ele era deputado estadual e sei o que passei. Agora ele vem com esse discurso moralista e enganador. Quem é ele para falar de ética e coerência?”, questiona.

Moema também acusa o ex-correligionário de usar a religião para atrair os “holofotes da mídia”.

“Todo mundo sabe que Bassuma usa o espiritismo para ganhar destaque da imprensa. É só lembrar que ele reproduziu na íntegra na Câmara dos Deputados uma sessão que tinha feito aqui na Assembleia. O ‘show’ teve direito até a manifestação do além. Ele devia tratar a religião com mais respeito”.

Por fim, a coordenadora da campanha de Dilma à presidência da República falou sobre a posição do partido em relação ao aborto: “defendemos a normatização da questão, que está estabelecida por lei. A intervenção deve ser feita em caso de estupro ou de gravidez de risco. Toda mulher merece atendimento médico. O que está em andamento é uma investida sórdida contra nossa candidata. Eles não querem comparar os governos FHC e Lula. Acham que o povo não tem memória. Depois Serra diz que é do bem. Na verdade, ele deve ser é do DEM”.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar