Entretenimento

Daniela Mercury apresenta espetáculo com dinheiro público

[Daniela Mercury apresenta espetáculo com dinheiro público]
08 de Maio de 2011 às 07:26 Por: Rafael Albuquerque



 

O show de Daniela Mercury em homenagem aos 40 anos da Embasa, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, neste sábado (7), começou por volta das 7h30. O público predominantemente GLS não lotou o espaço, mas animou bastante. Vestida de branco e com performance que lembrava rituais do candomblé, Daniela subiu ao palco para a celebração acompanhada de seis dançarinos, que durante todo o show se revezavam. Logo na primeira música, “Preta”, notava-se a total sintonia entre a artista e seus bailarinos.


Com um repertório característico da turnê Canibália, Daniela foi ovacionada pelo público. Apresentou um verdadeiro espetáculo de música, dança e performance. Para a Embasa – que pouco foi citada por Daniela, o espetáculo pode não ter feito tanta diferença, já que o cotidiano da empresa  voltará logo ao normal, com reclamações, canos estourados, interrupções no abastecimento de diversos bairros, principalmente – e não se sabe o motivo, os mais carentes, e assim por diante.


Pois bem, se para a Embasa esse show em comemoração aos 40 anos muda pouca coisa, a grande apresentação somaria mais pontos à carreira da cantora, não fosse a obscuridade com que esse evento foi realizado. A começar pelo valor que a artista teria recebido pelo show beneficente: R$ 370 mil. Nenhum problema se não fosse a Embasa uma empresa com capital predominante público, que tem a obrigação de dar satisfação ao povo e à imprensa sobre seus gastos e investimentos.


Nesse caso, tentaram dar um cala boca na imprensa. Questionados sobre os valores, as assessorias de Daniela e da Embasa despistavam. “Por questões contratuais, não pode divulgar o valor referente à contratação da artista, mas que a transparência na aplicação dos recursos também faz parte da política da empresa e de sua própria condição, como sociedade de economia mista com capital majoritário do Estado da Bahia. Suas receitas e despesas são apresentadas regularmente ao Tribunal de Contas do Estado, nos prazos previstos em lei, e podem ser consultadas pela sociedade”, afirmou nota emitida pela assessoria de comunicação da Embasa.

 

A assessoria da artista também tentou blindá-la. Só piorou a situação. Daniela Mercury só atendeu às emissoras de TV e, portanto, restringiu este site e outros de questionarem a artista sobre o espetáculo e, é claro, sobre a polêmica questão contratual, já que sua produção também não se manifestou. A cantora, que tem fama de poucos amigos, poderia ter esclarecido tudo de uma vez. Aliás, não é nenhum pecado cobrar R$ 370 mil por um show. Cobra quem quer e paga quem pode. O problema todo é Embasa, que tem uma infinidade de problemas a resolver, promover essa gastança para um aniversário de 40 anos, que talvez nem tenha tanto o que comemorar.

Fotos: Gilberto Júnior - Bocão News

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar