Esporte

Joel Santana ignora história do Bahia e define equipe como "Peixe Pequeno"

[Joel Santana ignora história do Bahia e define equipe como "Peixe Pequeno"]
12 de Abril de 2011 às 15:03 Por: Redação Bocão News

Um dia após a queda de Vágner Benazzi, o gestor de futebol do Bahia, Paulo Angioni, disse lamentar o que chama de "dinamismo único" do futebol. "O esporte virou grife. Da noite para o dia, as pessoas decidiram que agora vão atrás das grifes", afirmou, apesar de negar ter sido o caso do clube.
 
"Ele [Benazzi] deu uma suspendida no time, mas, na segunda fase [do Estadual], só ganhou sete de 15 pontos, entendeu?", falou. "Às vezes, você é obrigado a mexer até para ter projeto de longevidade." As únicas duas derrotas de Benazzi - também já demitido do Avaí neste ano - foram nas últimas duas rodadas do Baiano. Prestes a cair, ele chegou a citar o caso de Geninho, no Atlético-PR, como exemplo das "injustiças do futebol".
 
A reportagem apurou que o Bahia só aguardava ter mais motivos para trocar o comando, de olho em um nome mais badalado para a Série A. Os alvos se tornaram Joel Santana, Celso Roth e Renê Simões.
 
Cogitado para assumir o Bahia desde que a posição de Vágner Benazzi ficou conturbada dentro da equipe, Joel Santana admitiu ter muita afinidade, mas negou qualquer contato com o clube. Em entrevista ao programa "Bem, Amigos", do canal SporTV, o treinador disse que, após passar 14 meses no Botafogo, está aproveitando o tempo ausente do futebol para resolver problemas particulares. "Meu nome foi cogitado lá, mas em nenhum momento foi uma coisa concreta, não houve proposta. Estou dando um tempo até para refletir. Trabalhei duas vezes no Bahia, tenho uma amizade muito grande tanto com o Bahia como com o Vitória", observou Joel antes de insinuar que o tricolor baiano era "peixe pequeno" em relação aos times de ponta que disputam a série A.

Confira o trecho da entrevista do treinador que diminuiu o Bahia

 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar