Geral

“Deturparam as ideias de FHC”, diz Imbassahy

[“Deturparam as ideias de FHC”, diz Imbassahy]
16 de Abril de 2011 às 08:01 Por: Daniel Pinto
Ainda repercute em todo país o artigo “O papel da oposição”, assinado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na última edição da revista Interesse Nacional.

Num trecho, FHC destaca que o PSDB e seus aliados não devem persistir no erro de disputar influência com o PT sobre os “movimentos sociais ou o povão”. “Isto porque o governo aparelhou, cooptou com benesses e recursos as principais centrais sindicais e os movimentos organizados da sociedade civil”.

Para contrapor a força do governo junto aos menos favorecidos, ele prega que a minoria traga para o “jogo político-partidário” a “classe C ou nova classe média”. “É a estes que as oposições devem dirigir suas mensagens prioritariamente, sobretudo no período entre as eleições”, observa o ex-presidente.

Para muitos, a exemplo do jornalista Mauricio Dias, da Carta Capital, o texto de FHC reforça a tese de que o PSDB sempre trabalhou para favorecer as elites em detrimento dos mais pobres.  O presidente regional do partido, o deputado federal Antonio Imbassahy, diz justamente o contrário.

“Deturparam as ideias de FHC. Essa leitura é um gesto de manipulação e má fé, até porque o ex-presidente fez o maior programa de distribuição de renda do país, que foi o Plano Real. A moeda forte e a estabilidade econômica acabaram com a inflação exorbitante, que prejudicava, sobretudo, os mais humildes”, afirmou.

Além disso, Imbassahy garante que o plano tucano de retomada do poder não irá desprezar a assistência social. “Nenhum partido que queira voltar ao Palácio do Planalto pode desprezar os mais humildes. Até porque combater as desigualdades é o principal desafio de todos nós, políticos e cidadãos”.

Clique aqui e leia o artigo na íntegra!

Foto: Edson Ruiz/Bocão News
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar