Geral

Bradesco é condenado por assédio moral coletivo

[Bradesco é condenado por assédio moral coletivo]
28 de Abril de 2011 às 19:00 Por: Redação Bocão News
A Justiça condenou o Bradesco S/A a pagar R$ 100 mil de indenização por assédio moral à seus funcionários, que acusaram o gerente do banco, responsável pelo assédio, por conduta imprópria. Segundo os trabalhadores, o gerente além de "gritar com os caixas, desestabilizava o andamento dos trabalhos".
 
A decisão atende à ação civil pública ajuizada, em 2008, pelo Ministério Público do Trabalho de autoria do procurador Manoel Jorge e Silva Neto. Além da indenização, a empresa deverá cumprir uma série de obrigações para inibir a prática assediante que acumula abuso de poder e manipulação perversa. Em caso de descumprimento, arca com multa diária de R$ 5 mil, com valores reversíveis ao Fundo de Amparo do Trabalhador (FAT).
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar