Geral

Campanha contra xixi

[Campanha contra xixi]
25 de Outubro de 2010 às 17:58 Por: Luiz Fernando Lima
A Prefeitura de Salvador resolveu atacar as práticas ilegais na cidade através do programa “Ordem na Casa”. Primeiro focou as atividades no combate aos ambulantes irregulares apreendendo isopores, cadeiras e outros equipamentos que vinham sendo comercializados na orla marítima.

Nesta segunda-feira (25), a coordenação do programa municipal lançou a campanha para amenizar outro “delito” comum na cidade: o xixi na rua. João Henrique já havia dito que os mijões de plantão sofreriam com a repressão. Houve, inclusive, ameaça de prisões e outras sanções.

A promessa do prefeito foi feita no início de agosto. Segundo a reportagem do jornal Correio*, nenhuma prisão ou flagrante foi registrado até o momento. Já a Limpurb, responsável pela limpeza da cidade, garante que disponibilizou 102 sanitários públicos em pontos estratégicos – Campo Grande, Barra, Centro Histórico e Comércio.

O órgão se comprometeu a aumentar o número de sanitários nos próximos dias. Em paralelo, a prefeitura trabalha em outro front, a conscientização. Para tanto, promoveu um concurso de tirinhas (cartuns) entre estudantes da rede de ensino municipal para que a criação do vencedor fosse distribuída pela cidade.

Pois bem, hoje saiu, a arte do estudante que vai ilustrar a campanha de combate ao xixi da cidade. No entanto, guardados todos os direitos do estudante não pensar em tudo que envolve uma campanha conscientização que não se encerra no problema cultural do xixi na rua, é preciso registrar que o segundo quadro da sequencia não é politicamente correto, pois ali está o personagem jogando a lata no chão.

Ora, se o programa maior, que tem dentro dele o combate ao xixi, tem o objetivo de “Conservar o patrimônio público e manter uma cidade limpa e agradável”, como revela o comunicado oficial, convenhamos que jogar uma lata na rua antes de ir ao sanitário químico não é muito educativo.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar