Geral

PF investiga o Iphan na Bahia

[PF investiga o Iphan na Bahia]
20 de Setembro de 2010 às 10:51 Por: Redação Bocão News
O superintendente regional do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional  (Iphan), Carlos Amorim, é acusado por entidades civis de negligência na função de proteger os bens históricos do estado e permitir a construção de empreendimentos imobiliários em áreas tombadas por lei federal.  

Atualmente, segundo levantamento do jornal A Tarde, 18 obras estão em execução numa área de proteção ambiental da capital baiana no trecho de 10 Km entre a Praia de Chega Nego, em Armação, e o coqueiral de Piatã.

A Polícia Federal (PF) prometeu apurar o caso.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar