Geral

João Dourado: Péssimo estado de conservação de escolas coloca em risco segurança

[João Dourado: Péssimo estado de conservação de escolas coloca em risco segurança]
16 de Março de 2014 às 06:59 Por: Sertão Baiano Por: Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)


“Só Deus mesmo para proteger os meninos e meninas da Escola Antonio Alves Monteiro, aqui no povoado da Descoberta”. O desabafo é da vereadora Rita Amaral (PT), que, nesta sexta-feira (14), visitou algumas unidades de ensino do município de João Dourado, na Região de Irecê, junto com a reportagem do Sertão Baiano. De acordo com Josué Gomes Oliveira, diretor da Antonio Alves Monteiro, a escola é a única da localidade e atende 115 crianças da Educação Infantil ao 5º ano. Apesar da importância social, a unidade está completamente destruída e os problemas na infraestrutura colocam em risco a segurança dos alunos e funcionários.

Entre os principais problemas, o diretor destaca a falta de cobertura adequada da caixa d’água, instalada a 40 cm do solo; problemas na rede elétrica e no telhado, com fios expostos e forro avariado; e falta de manutenção nos banheiros e no sistema hidráulico. “A situação é crítica! O reservatório de água foi tampado com uma grade improvisada, mas morro de medo que uma criança caia aí dentro. No banheiro, como a descarga está danificada, os dejetos sobem e caem no chão. Além disso, o teto pode desabar a qualquer momento”.

A situação é ainda mais gritante na parte externa da escola: um muro desabou há mais de um ano e ainda não foi recuperado. Por sorte, ninguém ficou ferido. Entretanto, sem a proteção, as crianças ficam expostas a toda sorte de riscos. “Qualquer um pode ter acesso à escola, bem como uma criança pode sair e se perder ou ser raptada. E o pior é que logo atrás do muro tem um curral. Esse contato direto com animais é uma porta para doenças”, alerta a vereadora Rita Amaral, que também reclama da inexistência da coleta de lixo: “os resíduos são queimados no canto do muro”.
 
As vereadoras, em associação com os demais integrantes da minoria na Câmara Municipal, entregaram um dossiê ao representante do Ministério Público na cidade denunciando o “sucateamento da rede municipal de ensino”.

A equipe do Sertão Baiano esteve na Secretaria Municipal de Educação de João Dourado, mas não encontrou o titular da pasta, Erik Pereira Machado. Segundo informações de funcionário da portaria, o gestor reservou o expediente da tarde para visitar escolas na zona rural da cidade. O Sertão Baiano também tentou, sem sucesso, contato telefônico com o representante da Prefeitura. As informações são do site Sertão Baiano.

Postada às 25h28do dia 15 de março

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar