Geral

Em protesto, moradores picham casarões abandonados no Centro Histórico

[Em protesto, moradores picham casarões abandonados no Centro Histórico ]
23 de Março de 2014 às 08:11 Por: Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)
Um fato inusitado tem chamado a atenção de quem circula pelas ruas do Centro Histórico de Salvador. Na madrugada deste sábado (22), como forma de protesto, moradores da região picharam as fachadas de cerca de 30 casas desabitadas entre o Santo Antônio Além do Carmo e o Pelourinho.

“Aqui podia morar gente”, relata os dizeres escritos nas paredes em referência ao estado de abandono dos imóveis da localidade. Um grupo de moradores já assumiu a autoria do protesto. Dentre os manifestantes está o produtor Dimitri Ganzelevitch e o cineasta Cláudio Marques, diretor do Espaço Itaú Glauber Rocha.

Durante a ação, o bando chegou a ser abordado por policiais, mas não foi impedido de prosseguir com as pichações. A manifestação visa sugerir o resgate do perfil residencial da áre a e chamar a atenção para a especulação mobiliária.

De acordo com levantamento do Escritório de Referência do Centro Antigo, em torno de 1,5 mil casas da localidade estão vazias. O protesto se estende também às 25 casas compradas por Luciana Rique, herdeira do Shopping Iguatemi, há quase quatro anos, sob o anúncio de que seria construído um espaço comercial a céu aberto.

* Materia originalmente publicada às 8h11 deste domingo (23)


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar