Mundo

Mulher de Nobel da Paz é presa

[Mulher de Nobel da Paz é presa]
10 de Outubro de 2010 às 18:53 Por: Redação Bocão News
O dissidente chinês Liu Xiaobo, Nobel da Paz 2010, dedicou seu prêmio às vítimas da praça de Tiananmen, informou neste domingo a ONG Human Rights in China, que entrou em contato com a mulher do dissidente detido depois que ela conversou com o marido.

Conforme informações da Agência France Pressa, representantes da ONG Human Rights in China (HRIC), Lu Xia,  mulher do ganhador do prêmio Nobel da Paz 2010, Liu Xiaobo, foi colocada em prisão domiciliar em Pequim após visitar o marido.

A Human Rigths entrou em contato com a mulher do dissidente chinês que teria informado que o marido dedicou o prêmio às vítimas do massacre da Praça Celestial, ocorrido em 1989. Foi Lu Xia quem informou ao marido que ele havia recebido o prêmio.

Ao rceber a notícia, o ativista chinês teria dedicado o “prêmio aos amigos perdidos em 4 junho", contou sua mulher, em referência ao movimento democrático da Praça de Tiananmen de Pequim, organizado pelos estudantes em 1989 e violentamente reprimido pelo governo chinês e uma das razões da condenação do professor e ativista chinês a 11 anos de prisão.

Conforme o representante da ONG de Direitos Humanos, o encontro do dissidente com sua mulher durou cerca de uma hora, quando ele foi informado sobre sua premiação. Liu afirmou ainda que as vítimas de Tiananmen deram sua vida "pela paz, liberdade e democracia".
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar