Mundo

Correa inicia caça às bruxas

[Correa inicia caça às bruxas]
02 de Outubro de 2010 às 16:35 Por: Redação Bocão News


O presidente do Equador, Rafael Corrêa afirmou na madrugada deste sábado (2) que não haverá perdão nem esquecimento para os que, segundo Correa, se levantaram contra o país. O pronunciamento do chefe de estado, em cadeia nacional de rádio e televisão, aconteceu após o que para alguns foi um motim e  que para ele, presidente, foi uma tentativa de golpe de estado, ter fracassado e a situação começar a se regularizar.

De acordo com informações das agências internacionais, Correa acredita que a rebelião não foi provocada por questões trabalhistas como defendem os próprios manifestantes. Para ele, a questão é tratada como conspiração e que os culpados vão ser perseguidos e condenados por isso.

Durante as 24 horas em que o levante esteve ativo oito pessoas morreram e 240 ficaram feridas. A prova de que Correa não vai dar sossego aos que, ele julga, como traidores foi dada ainda na sexta. Quando o comandante da Polícia Nacional, Freddy Martínez,, teve que renunciar  após fracassar em sufocar a rebelião da força que comandava. A caça às bruxas continua no Equador. Líderes do cone sul da América já manifestaram o apoio ao presidente. Nesta sexta-feira (1), foi a vez da secretária de estado americana, Hilary Clinton ligar para o equatoriano e desejar boa sorte.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar