Polícia

STF compartilhará com a Câmara investigação sobre Jaqueline Roriz

[STF compartilhará com a Câmara investigação sobre Jaqueline Roriz ]
14 de Abril de 2011 às 07:26 Por: Redação Bocão News e Agências
Em Brasília, as informações do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o envolvimento da deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF) em esquemas de corrupção serão compartilhadas com o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados, que também investiga as responsabilidades da parlamentar. Jaqueline foi flagrada em um vídeo recebendo dinheiro do delator do mensalão do DEM, Durval Barbosa. Ela alegou que se tratava de caixa dois de campanha. O pedido para compartilhamento das provas foi feito pelo Procurador-Geral da República, Roberto Gurgel, nesta quarta-feira (13).
 
"O vídeo contém gravação clandestina, realizada por um dos interlocutores – Durval Barbosa –, inexistindo obrigação de guardar segredo, por não conter dados da intimidade da investigada. Assim, ausente causa legal ou constitucional de sigilo, defiro o pedido”, afirmou, em seu parecer, o ministro Joaquim Barbosa, relator do caso.
 
A divulgação da decisão, tomada na semana passada, ocorreu um dia antes da reunião agendada com o relator do processo de cassação da Câmara, deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), com Barbosa. A reunião foi solicitada antes da autorização para o acesso ao inquérito que tramita no STF.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar