Polícia

Drogas:PF prende seis em Busca Vida

[Drogas:PF prende seis em Busca Vida]
23 de Outubro de 2010 às 18:47 Por: Redação *Correio
Operação da Polícia Federal resultou na prisão de seis pessoas envolvidas com tráfico de drogas neste sábado (23), em condomínio de luxo no Litoral Norte, em Lauro de Freitas.

Além da prisões, os policiais fecharam ainda um laboratório de refino de cocaína, localizado no Condomínio Busca Vida,e apreenderam 150kg de pasta base da droga, segundo estimativa da PF.

O resultado final da operação foi apresentado na sede da PF em Água de Meninos, na Cidade Baixa.

A PF estourou o laboratório na manhã deste sábado, prendendo os seis homens e apreendendo a droga. De acordo com o delegado da divisão regional da PF de Combate ao Crime Organizado, Cristiano Sampaio, esta foi a maior apreensão de cocaína feita na Bahia nos últimos cinco anos.
A maior parte da droga já estava pronta para o comércio, refinada e distribuída em sacolas plásticas.

Foram encontrados também cerca de 20 tabletes de pasta base em um Fiat Idea abordado pelos policiais por volta de 9h, em um posto de combustíveis vizinho ao Condomínio Busca Vida, onde os traficantes alugaram o sítio há cinco meses.

Após efetuarem as prisões, os policiais se dirigiram à casa onde estava instalado o laboratório que foi desativado. O delegado Cristiano Sampaio explicou que os envolvidos escolheram uma casa mais isolada e distante das outras, cercada por vegetação que impedia a visão e disfarçava a percepção do odor exalado pela mistura da cocaína com produtos químicos.

Na operação foram presos e autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação ao tráfico Mário Rubens Novaes, 45 anos, José Raimundo Machado, 64, Vanildo Gaspar de Oliveira, 43, Vinícius dos Santos Bacelar, 24, José Taixeira do Carmo, 34, e o croata Mato Pauk, 48.

Segundo eles informaram ao delegado, o valor da droga apreendida gira em torno de R$ 1,3 milhão. Dos presos, dois já teriam passagem pela polícia. De acordo com a PF, Mário Rubens esteve preso por tráfico de drogas, enquanto Vanildo Oliveira cumpriu pena por tráfico e receptação de produto de roubo.


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar