Polícia

Presos acusados de saidinha bancária

[Presos acusados de saidinha bancária]
14 de Agosto de 2012 às 15:31 Por: Ilustração Por: Redação Bocão News (@bocaonews)
Na tarde desta segunda-feira (13), policiais da 6º Delegacia Territorial prenderam dois homens acusados de terem feito diversas “saidinhas bancárias”. Lucival Santos Silva, 38 e Jefferson Bonfim dos Santos, 30, estavam perto de uma agência bancária de Brotas. Eles estavam com uma pistola Glok, de calibre 45.

Em depoimento, Jefferson afirmou que teria ido a Brotas para assassinar um desafeto conhecido como Rodrigues, morador do bairro, o qual lhe devia R$ 10 mil, referente à venda de um carro. Com passagens pela polícia, Jefferson já esteve preso na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), em 2011, por roubo e formação de quadrilha.

Lucival, que disse trabalhar como vendedor ambulante no Centro de Salvador admitiu ter comprado a pistola e mais 38 munições por R$ 3 mil na Feiraguai, na cidade de Feira de Santana. Ele tem passagem por porte ilegal de arma e roubo, tendo sido libertado mediante o pagamento de uma fiança de R$ 20 mil.

Eles foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma e formação de quadrilha, ficando à disposição da Justiça. A equipe da 6ª DT investiga se a dupla vinha agindo com mais comparsas.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar