Política

Lessa quer, mas PT resiste à sua filiação

[Lessa quer, mas PT resiste à sua filiação]
13 de Abril de 2011 às 16:11 Por: Ivana Braga
O Ex-deputado estadual e ex-vereador de Salvador Arnando Lessa (PSDB) está de malas prontas para abandonar o ninho tucano e embarcar no PT com a intenção de disputar uma vaga na Câmara de Salvador nas eleições municipais de 2012. Pelo menos essa é a sua pretensão, ainda não oficializada ao partido.

No entanto, para engrossar as fileiras petistas, o ex-secretario municipal de Serviços Públicos de Salvador terá que vencer a resistência de integrantes da legenda que não veem com bons olhos o ingresso do tucano, sob a argumentação de que o tucano não tem perfil e de o seu nome já ter sido envolvido em situações que o descredenciam. "Lessa tem uma história nebulosa, ruim para a imagem do PT", diz uma fonte da legenda. 

De acordo com fontes do PSDB, o tucano já estaria fora do partido, embora também não tenha oficializado a sua desfiliação. Desde que o presidente da  Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo, deixou o PSDB, Lessa não mais participa do partido. É justamente com a intervenção de Nilo que o ex-vereador vai tentar furar a barreira que pode impedir a sua filiação ao PT.

De acordo com presidente da municipal do PT, vereadora Marta Rodrigues, há um “zum zum zum” quanto ao desejo de Lessa se filiar ao partido, mas nada oficial. “Ainda não recebemos nenhum pedido formal, embora eu já tenha ouvido comentários sobre isso”, afirmou Marta Rodrigues, desconversando quando questionada  sobre a resistência ao nome do político.

A dirigente adiantou que, por tratar-se de um político com certo destaque no cenário local, a proposta de filiação, se ocorrer, terá que ser submetida à apreciação das executivas estadual e municipal. 

Marta evitou comentar sobre a filiação de Lessa. “Não posso comentar sobre um fato hipotético. Se o pedido chegar à direção, será discutido e decidido por ela”, resume a presidente, adiantando que na próxima semana a executiva municipal tem reunião marcada para debater a questão das filiações.

Apesar de a presidente do PT de Salvador se esquivar de comentar a posição do partido quanto à intenção do ex-secretário Lessa, é bom lembrar que por pressão da sua base, o PT abortou o ingresso do prefeito João Henrique quando este ensaiou pedir filiação.

Conforme a dirigente partidária, o ex-vereador Celso Cotrin,  e o filho Celsinho, já solicitaram nova filiação. Eles haviam deixado o PT após anos de militância, ingressando no PSB.  Ambos abandonaram a legenda socialista após desentendimentos com a direção estadual, comandada na Bahia pela senadora Lídice da Mata e o secretário estadual de Turismo, Domingos Leonelli.

O professor Arnando Lessa foi filiado ao PMDB, mudando-se para o PSDB. Nas últimas eleições que disputou seu desempenho foi ruim e ele não conseguiu eleger-se. A  reportagem do Bocão News tentou falar com o ex-vereador Arnando Lessa sem sucesso. Foram feitas diversas ligações para o seu celular. Nenhuma foi atendida nem as chamadas retornadas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar