Política

TCM pune aliado de Geddel em R$367 mil

[TCM pune aliado de Geddel em R$367 mil]
20 de Abril de 2011 às 11:01 Por: Jota Júnior
O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) determinou que o ex-prefeito de Itapetinga, Michel Hagge (PMDB), devolva aos cofres públicos R$370.261, valores referentes a pagamentos de salários pela prefeitura, considerados irregulares, a ele e à cúpula da administração da cidade do sudoeste do estado em 2008. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (20) e cabe recurso.

Além de Hagge, que é aliado do vice-presidente da Caixa, Geddel Vieira Lima, o TCM puniu ainda cinco prefeitos, um ex-prefeito e o presidente da Câmara de Vereadores de Urandi, Geraldo Roberto Carvalho, multado em R$5 mil por irregularidades na prestação de contas da Casa.

Entre os problemas encontrados pelos analistas do tribunal, dois se referem à aplicação ilegal de recursos do Fundo Estadual da Educação Básica (Fundeb). É o caso dos prefeitos de João Dourado, Rui Dourado, que terá de ressarcir R$57 mil ao fundo, e de

Presidente Dutra, Roberto Carlos, cujo valo a ser devolvido é de R$1,8 mil.
O TCM aplicou multas aos prefeitos de Itanhém; Milton Guimarães; de Tucano, José Rubens Arruda; de Araçás, Uelington Oliveira; e ao ex-prefeito de Chorrochó, José Juvenal de Araújo. 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar