Política

Embasa, empresa mais falada da Bahia

[Embasa, empresa mais falada da Bahia]
05 de Maio de 2011 às 08:39 Por: Redação Bocão News
Ultimamente a Embasa tá dando o que falar. Ainda mais depois do anúncio, no mês de março, do aumento da tarifa da água para os baianos, a partir de maio. Depois, uma liminar expedida pelo juiz da Ricardo D’Ávila da 5ª Vara da Fazenda Pública, Comarca de Salvador, em abril, suspendeu o aumento de 13,64%, informando que o novo reajuste seria de 6,194%, conforme previsto anteriormente pelo Conselho de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Coresab).
Recentemente lembraram do patrocínio da Embasa aos times do interior no Campeonato Baiano de Futebol, quando foi noticiado que a empresa da água deu dinheiro para a micareta de Feira. Agora mais grana para Daniela Mercury cantar nos 40 anos da empresa.
 
Como a Embasa justificou o reajuste por necessidade de dinheiro para universalização dos serviços prestados pela empresa e em 2011 (até maio) gastar R$ 2,2 milhões (R$ 310 mil, micareta de Feira + R$ 192 mil, Buteco do Samba + R$ 200 mil, 40 anos e R$ 1,5 milhão, times de futebol do interior). Economia pouca é bobagem.
 
Aproveitando a situação de falatório da Embasa políticos aproveitam para aparecer na mídia, um deles é  citado na coluna Tempo Presente, por Levi Vasconcelos desta quinta-feira (5). 
 

Na conta da água

O deputado Luciano Simões (PMDB) pediu oficialmente ontem que o TCE faça uma auditoria na Embasa, a estatal da água. Diz não ter sentido a empresa penalizar a população com um aumento de 13,64% no preço da água e simultaneamente patrocinar clubes de futebol e micaretas como a de Feira de Santana e Camaçari, além de pagar alto cachê a Daniela Mercury para cantar na festa dos seus 40 anos.

- É um evidente desvio de finalidade.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar