Política

Após duras críticas, Ana de Holanda mostra serviço

[Após duras críticas, Ana de Holanda mostra serviço]
06 de Maio de 2011 às 16:59 Por: Rafael Albuquerque
Após sofrer o segundo bombardeio de críticas em apenas quatro meses no cargo, a ministra Ana de Holanda, que comanda a pasta da Cultura, resolver mostrar serviço, justamente em um setor onde não tem poder legal para mandar. Trata-se de denúncias de fraude na arrecadação de direitos autorais no Ecad, uma sociedade privada sobre a qual o Ministério não tem poder legal de fiscalização.

Apesar da tranqüilidade em suas ações, a situação só complica para a irmã de Chico Buarque. Isso porque corre na internet um manifesto com dois mil nomes defendendo mudanças na Cultura. Parlamentares também se movimentam no Congresso para pedir explicações sobre a questão dos direitos autorais, tema que incendeia o debate entre criadores.

Apesar dos transtornos na pasta da Cultura, a ministra garante que o ministério não está à deriva e mantém o apoio da presidente Dilma. De acordo com O Globo, na próxima semana, uma equipe vai visitar o Ecad para descobrir uma fórmula de cobrar transparência da associação.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar