Política

Prefeito garante que Mauro Ricardo “está mais forte do que nunca”

[Prefeito garante que Mauro Ricardo “está mais forte do que nunca”]
02 de Novembro de 2013 às 11:26 Por: Lucas Esteves (Twitter: @lucasesteves)
 
Diante de mais uma polêmica envolvendo o secretário municipal da Fazenda, Mauro Ricardo, o prefeito ACM Neto afastou qualquer possibilidade de desgaste à gestão devido à manutenção do quadro. Em entrevista coletiva após o lançamento da Via Expressa na manhã desta sexta-feira (1), o demista se posicionou solidário ao secretário e disse que, pelo contrário, Mauro Ricardo está “mais forte do que nunca”.
 
De acordo com o prefeito, todas as investigações já feitas deixam claro que Ricardo não tem nenhuma relação com todos os escândalos a que tem seu nome associado e que seu nível de confiança no gestor não mudou nada desde o inicio do governo. “Ele foi tão enganado quanto o ex-prefeito e quanto o atual prefeito de São Paulo, que foi quem nomeou o chefe desta organização para diretor financeiro da companhia de transportes da cidade”, afastou.
 
Neto esclareceu também que, mais uma vez, Mauro Ricardo levou até ele as explicações de que não está envolvido nas irregularidades e, além disso, confirmou que esta semana conversou por telefone com Fernando Haddad (PT), prefeito de São Paulo. Negou, porém, que tenha tratado do assunto das irregularidades que ligam as gestões e revelou apenas que se tratava de “duas pautas de interesse comum das prefeituras”.
 
Apesar de cravar a força do secretário, os vereadores da oposição na Câmara interpretam a situação de outra forma. Segundo o líder do bloco adversário, Gilmar Santiago (PT), o envolvimento de Mauro Ricardo no noticiário relativo a escândalos financeiros na gestão pública desgastam a prefeitura de Salvador e o secretário precisa em definitivo provar se é mesmo inocente como prega. 
 
“Eu acho que é uma situação complicada na sua equipe quando volta e meia surge um caso que depõe contra a integridade e ética de um de seus membros. Sobretudo alguém que está à frente de processos de magnitude como a reforma tributária e o aumento de IPTU. Então cria uma situação de desgaste para a imagem do governo”, avaliou.
 
Já a vereadora Fabíola Mansur (PSB) cobrou do secretário que, além de explicar suas atribuições nos supostos escândalos, que em Salvador melhore sua disponibilidade de debater os projetos do Executivo. Ela reclamou que a bancada de oposição não tem acesso aos mais importantes projetos do Executivo e que tal atitude não combina com o caráter democrático que a prefeitura prega até o momento.
 
Fabíola citou como exemplo o secretário estadual da Casa Civil, Rui Costa, que este ano foi à Câmara para apresentar a todos os vereadores o projeto do Sistema Metroviário, além de Guilherme Bellintani, secretário municipal de Cultura. “Entendemos que quando o projeto é do Executivo, o Executivo é que tem que convidar toda a Câmara para explicar. Afinal de contas, nós estamos lá representando toda a população de Salvador”.
 
Para a socialista, falta a Mauro Ricardo noção de que é preciso dialogar mais, mas não só com os vereadores e sim com a sociedade como um todo. Para exemplificar o fato, a edil citou a falta de audiências públicas para debater o IPTU e reforma tributária. Com a suposta distância do gestor, a vereadora diz que todo o debate sobre desenvolvimento perde força.
 
“Sinto que ele está distante. Se o prefeito diz que ele cada vez está mais forte, eu espero que ele pense que ser forte não é apenas implementar ordem. Ser forte é estar debatendo com a sociedade as implementaçõees para a nossa cidade. Uma cidade se constrói conjuntamente e não atrás de um gabinete de secretário.”

Postada às 14h16 do dia 01 de novembro
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar