Saúde

Médicos fazem paralisação em 3 de maio

[ Médicos fazem paralisação em 3 de maio]
20 de Abril de 2011 às 09:41 Por: Fabíola Lima
Quarta-feira (27), os médicos da rede pública do estado prometem fazer um manifesto na Praça Piedade, com o objetivo de chamar a atenção da população sobre a greve que eles pretendem iniciar a partir do dia 3 de maio.

De acordo com o presidente do Sindmed, José Caires, a categoria quer alertar o governo para a má gestão dos hospitais públicos, avalia ele, não promove melhores condições de trabalho, gerando mau atendimento à população.

Durante o protesto na Piedade, diz Caires, o sindicato mostrará à população as “reais” condições de trabalho nas unidades, como a constante falta de material para procedimentos e a falta de profissional que resulta em longas filas de espera nos hospitais. Na visão de Caires, essa é um fator importante para a crise da saúde na Bahia.

Na última greve promovida pelos médicos da rede pública, em 2010, a categoria cobrou medidas acordadas e não cumpridas em 2008, após criação do Plano de Carreira, Cargo e Vencimento, que previa reajuste da gratificação e elevaria o atual salário base de R$ 683 para patamares considerados justos pelos profissionais, que poderiam alcançar faixa salarial de até R$ 7 mil.

Segundo o presidente do Sindmed, a greve busca conscientizar o governo para a necessidade de melhores condições de trabalho para a categoria, e conseqüente oferta de serviços, além do reajuste salarial.

Apesar de não gostar do termo, Caires admite que a paralisação é por tempo indeterminado, já que a categoria prevê apenas retomar as atividades após acertar as contas com o governo, sem definição de seu término.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar