Saúde

Elevador Lacerda e CMS serão iluminados em homenagem ao dia de conscientização do autismo

[Elevador Lacerda e CMS serão iluminados em homenagem ao dia de conscientização do autismo]
Por: Reprodução Por: Juliana Nobre 0comentários

A conscientização do autismo é celebrada, mundialmente, nesta quinta-feira (2). Em Salvador são mais de 45 mil pessoas com o transtorno do espectro autista e na Bahia são mais de 220 mil. Por isso, pontos turísticos da capital baiana estarão iluminados de azul – cor da campanha – para chamar a atenção da sociedade. O Elevador Lacerda, a Câmara de Salvador e fontes da Praça do Campo Grande estarão iluminados na noite de hoje.

Além da data, a Associação de Amigos do Autista da Bahia (AMA-BA), também vem realizando ações durante o período de isolamento social devido a pandemia do coronavírus. Diariamente, a entidade realiza lives nas redes sociais com convidados para orientar pais e profissionais da área. Elas são realizadas nos perfis @realautismo e @ama.bahia.

Nesta quinta-feira, a live especial terá a participação do apresentador José Eduardo, padrinho da instituição; do cantor Felipe Escandurras; e da presidente e vice-presidente da AMA, Rita Brasil e Leonardo Martinez, respectivamente.

Ao BNews, Leonardo Martinez falou sobre a importância da campanha. “É uma data instituída pela ONU (Organização das Nações Unidas) para a conscientização da sociedade. Tem o objetivo de chamar a atenção da sociedade a uma deficiência que não é visual, o que traz mais dificuldades ainda. E solicitamos ao vice-prefeito, Bruno Reis, ao presidente da Câmara, Geraldo Júnior, e a secretária da Sempre, Ana Paula Matos, para que alguns pontos estivessem iluminados para chamar a atenção da sociedade. E recebemos a confirmação deles. E essa ação é muito importante para que todos façam parte dessa campanha que visa tirar da invisibilidade essas pessoas”, ressaltou.

No Brasil, a campanha nacional deste ano tem como tema “Respeito para todo o espectro”. O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, também estará iluminado na noite de hoje. “Ao mencionar “todo o espectro” no tema, a campanha deixa claro que há uma extensa diversidade, um espectro, na maneira como o autismo afeta cada indivíduo, havendo desde pessoas com graves comprometimentos e comorbidades (outras condições de saúde associadas, como epilepsia e deficiência intelectual) até os chamados “autistas de alto funcionamento”, com sinais e sintomas muito leves do transtorno (antigamente diagnosticados com síndrome de Asperger). Por isso o nome técnico ganhou a palavra "espectro", Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), pela grande variação de características e intensidades”, diz trecho da campanha.

Para os dirigentes das entidades em todos o país, o pedido é por respeito e mais políticas públicas. No ano passado, o presidente Jair Bolsonaro anunciou inclusão de autistas no Censo 2020, depois de uma campanha envolvendo o apresentador Marcos Mion e a primeira-dama, Michele Bolsonaro. Em janeiro deste ano, Bolsonaro sancionou a lei que instituiu a Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, de expedição gratuita. Com o documento, a população passou a ter prioridade no atendimento em serviços públicos e privados, em especial nas áreas de saúde, educação e assistência social. 
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas