Coronavírus

Estudo aponta que chocolate intenso e cacau em pó ajudam no combate à Covid-19

[Estudo aponta que chocolate intenso e cacau em pó ajudam no combate à Covid-19]
14 de Janeiro de 2021 às 17:09 Por: Divulgação Por: Redação BNews

Um artigo publicado na revista Frontiers in Plant Science apontou a eficácia de chocolates intensos e cacau em pó no combate ao novo Coronavírus. Realizado pela North Carolina State University, o estudo expõe simulações de computador e estudos de laboratório mostrando como a chamada "protease principal" (Mpro) do vírus SARS-CoV-2 reagiu quando confrontada com uma série de diferentes compostos químicos vegetais que possuem propriedades antiinflamatórias e antioxidantes.⠀

Durante a pesquisa, estudos in vitro demonstraram que os compostos químicos do cacau em pó e do chocolate intenso reduziram a atividade de Mpro pela metade.

A região Sul da Bahia é conhecida mundialmente pela produção de itens da cadeia do cacau, a exemplo de chocolates especiais, cacau em pó, geleias, mel de cacau e outros derivados. Na cidade de Itabuna, por exemplo, os produtos podem ser encontrados na feira do Centro Público de Economia Solidária (Cesol) – Empório do Litoral –, no Shopping Jequitibá.

Para o coordenador do Cesol Litoral Sul, Thiago Fernandes, a descoberta só tem a agregar ao trabalho de agricultores familiares e empreendedores econômicos solidários do território. “É um estudo relativamente recente que mostra os benefícios do nosso chocolate intenso, acima de 65% cacau, além do nosso cacau em pó concentrado e puro, sem açúcar, que ajuda no combate à COVID-19. Enquanto não formos vacinados, vale super à pena investir no consumo de alimentos que ajudam de alguma forma na imunidade.”, conclui o gestor.
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar