Coronavírus

Rui pede que patrões não deixem funcionários trabalhar gripados: “É o meu apelo"

[Rui pede que patrões não deixem funcionários trabalhar gripados: “É o meu apelo"]
21 de Maio de 2021 às 18:58 Por: Fernando Vivas / GOVBA Por: Redação BNews

O governador Rui Costa (PT) fez um apelo a responsáveis de estabelecimentos para que não permitam que funcionários com sintomas de gripe permaneçam trabalhando. Durante entrevista ao programa Balanço Geral, da RecordTV Itapoan, o governador também alertou sobre a importância de exigir o uso de máscaras, sobretudo em locais como bares, restaurantes e lojas.

"É o meu apelo para quem é gerente, é supervisor de qualquer loja, qualquer indústria, tem um funcionário gripado, não deixe trabalhando, exija um exame de Covid”, declarou Rui.

“Se você quer o seu comércio aberto, seu bar aberto, sua loja aberta, não permita ninguém trabalhar gripado, não permita ninguém entrar na sua loja sem máscara. Se entrou na sua loja, pede para botar a máscara, e aí você vai conseguir manter sua loja aberta”, acrescentou o governador.

Ele ainda chamou a atenção para a necessidade da contribuição da sociedade como um todo no processo de combate à Covid-19.

"Eu peço encarecidamente a contribuição de todo mundo. Não adianta o governador, o prefeito, a prefeita, o secretário de saúde, a equipe de médicos, enfermeiros, todo mundo está se esforçando, se não houver um mutirão, uma corrente do bem, uma corrente a favor da vida, todo mundo ajudando...”.

O governador voltou a criticar a gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a quem atribui a culpa pelo atraso na chegada da vacina contra Covid-19 à Bahia. “Infelizmente o presidente não comprou vacina e a vacina que o estado comprou eles ainda atrapalham e atrasam a chegada da vacina. Então, vamos nos juntar aqui, nos unir, para poder combater o avanço do vírus”, concluiu.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar