Religião

Lavagem do Bonfim com igreja interditada é inédito na memória da festa, diz historiador

[Lavagem do Bonfim com igreja interditada é inédito na memória da festa, diz historiador]
14 de Janeiro de 2021 às 13:17 Por: Vagner Souza/BNews Por: Diego Vieira e Léo Sousa

Uma das festas religiosas mais importantes do país, a Lavagem do Bonfim este ano ocorre com uma programação totalmente modificada, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Para evitar aglomerações, a Basílica foi interditada para os fiéis, fato que, segundo o historiador Rafael Dantas, é inédito na história da celebração.

Marcada pelo sincretismo, a festa é realizada desde o final do ano de 1700. "O que aconteceu de diferente ao longo desses séculos, no Senhor do Bonfim, foi a questão da alteração do cortejo, desde a Conceição da Praia até a igreja, ou de outros sentidos, de como se interpretava a festa, no século 18, no século 19. Mas interditar a igreja, proibir que as pessoas adentrassem, em um número grande de pessoas, é a primeira vez que isso está acontecendo", afirma o historiador.

 


Foto: Vagner Souza/BNews

 

De acordo com Dantas, no entanto, ao longo dos séculos, a realização da festa foi impedida em diversos momentos.

"A Lavagem foi proibida no final do século 19, em 1890. Criticaram a Lavagem, criticaram os batuques africanos, aquela associação entre a cultura afro. No século 20, na década de 30, se permitiu novamente que fosse lavado o adro. Depois, bloquearam suas escadarias. Na década de 40 bloquearam de novo. E ACM, o velho senador, consegue resgatar essa tradição, ao longo das décadas de 70 e 80, para lavar o adro da igreja", rememora.

No início da manhã desta quinta-feira (14), a imagem do Senhor do Bonfim passou pelas ruas do Centro de Salvador, antes de seguir em cortejo para a Basílica. A programação da festa religiosa está sendo transmitida ao vivo pela Web TV do Bonfim, no YouTube.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar