BNews Agro

e-Agro: Suzano elogia retomada das feiras e apresenta modelos de contrato a produtores

Samuel Barbosa/BNews

Publicado em 18/11/2021, às 18h58    Samuel Barbosa/BNews    Samuel Barbosa* e Pedro Vilas Boas

A realização da e-agro em Teixeira de Freitas, feira para pequeno e médio produtor que acontece até o próximo dia 20, é um alívio para o setor, que também foi prejudicado com a pandemia. A avaliação é de Danilo Oliveira, da Suzano. 

O analista florestal da empresa, que está com um stand no evento, diz que a negociação é mais qualificada pessoalmente. “A conversa flui melhor, tomando todos os cuidados contra a covid-19”, disse ao BNews

Matérias Relacionadas:.e-Agro: Evento vai debater inovação do campo e marca retorno das grandes feiras na Bahia

e-Agro: Feira realizada em Teixeira de Freitas deve movimentar R$ 30 milhões em quatro dias

Na feira, a empresa, do ramo de celulose e papel, está com um stand para apresentar modelos de contrato aos produtores participantes. “Principalmente o fomento, auxiliando o produtor com o plantio, e compramos essa madeira”, explica Oliveira.

A feira

 O evento é realizado por meio de uma parceria entre o Sistema Faeb/Senar e Sebrae, com foco em inovação para o campo. A edição marca também a retomada das grandes feiras na região, com a presença dos maiores especialistas do país no setor.

A programação gira em torno dos três grandes pilares do mundo agro contemporâneo: tecnologia, organização social e sustentabilidade. Além de apresentar inovações e promover diversas oportunidades de negócio, o evento busca difundir conhecimentos estratégicos, com palestras sobre temas como revolução digital do 5G, sustentabilidade e tendências do mercado agropecuário interno e externo.

A e-Agro 2021 ocorre em formato híbrido, e com o avanço da vacinação, a organização do evento nutre grande expectativa de poder realizar, com total segurança, boa parte da programação de maneira presencial, seguindo as orientações das autoridades sanitárias.

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

*O repórter viajou a Teixeira de Freitas para cobertura da e-Agro

Classificação Indicativa: Livre