BNews Pet

Cientistas confirmam primeira reprodução assexuada entre animais ameaçados de extinção

Reprodução/Redes Sociais

Fato pode ter efeitos na conservação da espécie

Publicado em 24/11/2021, às 22h43    Reprodução/Redes Sociais    Redação BNews

Pesquisadores de San Diego Zoo Wildlife Alliance confirmaram que aconteceu a primeira eclosão de dois pintos Condor, na Califórnia, a partir de ovos não fertilizados. A descoberta, no início desse mês, aconteceu pela primeira vez nesta espécie que está ameaçada de extinção, segundo a Lista Vermelha da IUCN. 

A confirmação da partenogênese ou reprodução assexuada foi feita através de testes genéticos moleculares. O fato foi registrado no Journal of Heredity, o jornal oficial da American Genetics Association.

Leia Mais:

Veterinário alerta para doença do carrapato com chegada das altas temperaturas
Gato americano está prestes a entrar no Guinness como o mais velho do mundo; saiba quantos anos o felino tem

O diretor de genética da conservação do Zoológico de San Diego e coautor do estudo, Oliver Ryder, disse: “Esta é uma descoberta realmente incrível”. Não estávamos exatamente procurando evidências de partenogênese, mas isso acabou de nos atingir na cara. Só confirmamos isso graças aos estudos genéticos normais que fazemos para demonstrar parentesco. Nossos resultados mostraram que ambos os ovos tinham os cromossomos sexuais masculinos ZZ esperados, mas todos os marcadores foram herdados apenas de suas mães, o que verifica nossos achados”, acrescentou o cientista.

A partenogênese pode ter efeitos na conservação da espécie. 

Leia Também:

Produtos que impedem cachorro de latir são vendidos no Brasil; ambientalista critica
Após ser resgatado e ter novo lar, cachorro não para de sorrir
Cachorro é amarrado, arrastado por estrada e chora de dor; imagens fortes mostram momento

Acompanhe o BNews Pet também no Instagram

Classificação Indicativa: Livre