Brasil

Alta no preço dos combustíves provoca onda fechamento de postos no Rio de Janeiro

Fernando Frazão/Ag.Brasil

Publicado em 13/09/2021, às 08h24    Fernando Frazão/Ag.Brasil    Redação BNews

Com a alta no preço da gasolina e demais combustíveis, a cidade do Rio de Janeiro tem sofrido com uma onda de fechamento de postos. Desde 2009, foram 162 estabelecimentos fechados e os motoristas cariocas precisam se deslocar mais para conseguirem abastecer.

Presidente do sindicato dos proprietários de postos de combustíveis do Rio, Maria Aparecida Siuffo Schneider explica que além da alta nos preços, a sonegação de impostos também resulta no fechamento.

Em entrevista ao colunista Ancelmo Góis, ela conta que somente neste ano o valor da gasolina nas bombas subiu 31% nas bombas e o ICMS do estado é o maior do país, com 34%.

"Tudo isso estimula a sonegação e a entrada de produto sem nota fiscal. Para os postos que trabalham honestamente, os baixos volumes de venda e os altos custos da atividade acabam por inviabilizar o negócio", afirma Maria Aparecida.

Classificação Indicativa: Livre