Cidades

Operários morrem soterrados

Publicado em 04/11/2010, às 15h08   Redação Bocão News


FacebookTwitterWhatsApp

Dois operários morreram soterrados, e um ficou ferido, devido a um desmoronamento de terra em uma obra de saneamento da Embasa, em Eunápolis (extremo sul da Bahia). Oito pessoas trabalhavam no local que possui terreno argiloso.

Depois de inspecionar o local nesta quinta-feira (4), o técnico de segurança do trabalho e inspetor do Crea-BA, Welington Novaes, afirmou que a obra onde aconteceu o acidente está irregular.

De acordo com ele, a valeta da obra não estaria em conformidade com a determinação do Ministério do Trabalho. Novaes explicou que valetas com mais de 1,5 metros de profundidade devem ter proteção de madeira para evitar desmoronamento de terra. Na obra, a valeta da construção que tem cerca de 3 metros de profundidade só tem escoramento em uma pequena área do buraco.

Novaes também afirmou que a madeira utilizada na construção é muito fina e que as valetas com esta profundidade devem manter o entulho afastado, o que não aconteceu no canteiro da Embasa.

Ainda conforme o técnico, a empresa (Embasa) pode responsabilizar o engenheiro da obra pelas mortes. (Informações do site Radar 64)

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp