Cidades

Vídeo: Suspeitos explodem agência bancária no norte da Bahia; ataques chegam a 40 este ano

Reprodução/Didi Galvão

Não há informações da quantia de dinheiro levada

Publicado em 05/10/2021, às 06h20    Reprodução/Didi Galvão    Redação BNews

Uma agência do banco Bradesco foi alvo de bandidos na noite desta segunda-feira (04) no município de Chorrochó, no norte da Bahia. Com essa ocorrência, o estado completa a marca de 40 ataques a instituições financeiras este ano. 

No caso de Chorrochó, não é a primeira vez em que o estabelecimento é atacado, outras nos últimos quatro anos, é a terceira vez em que acontece esse tipo de atentado; outros crimes foram cometidos em 2018, 2019 e, agora, em 2021.

Leia também: 

Vídeo: Bandidos explodem agência bancária em Conceição da Feira

Vídeo: Agência bancária é explodida por suspeitos no sul da Bahia

Bandidos explodem agência bancária em Salinas da Margarida; veja vídeo

Bandidos explodem caixa eletrônico no Mercado Municipal de Itaparica; veja vídeo

De acordo com policiais, muitos tiros foram disparados, além de, pelo menos, três explosões na agência, que ficou completamente destruída, já que teto e portas foram danificados e cederam, conforme mostram imagens de moradores da cidade (Veja vídeo abaixo). 

Os residentes relataram ainda ao Blog do Didi Galvão, que os suspeitos entraram na cidade disparando diversos tiros e acordando a população.

De acordo com a PM, que as guarnições realizaram buscas na região, mas os autores não foram localizados. A área foi isolada até a chegada da perícia.

Além disso, o órgão confirmou que os indivíduos fizeram duas pessoas reféns, que foram libertadas na BR 116 após a ação.

Ninguém ficou ferido e nenhum material foi apreendido na ocorrência.

*Atualizada 10:47 para incluir nota da PM

Assista:

Leia também:

Mãe de Nego do Borel avisa à polícia que cantor está desaparecido

Homem gasta R$ 6 mil em casa de prostituição e, sem dinheiro, chama mãe para pagar conta

Homem é flagrado pela PM agredindo uma mulher na Avenida Centenário

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre