Economia e Mercado

Bahia Mineração arremata trecho da Fiol por R$ 32,7 milhões em leilão da ANTT

[Bahia Mineração arremata trecho da Fiol por R$ 32,7 milhões em leilão da ANTT]
08 de Abril de 2021 às 14:54 Por: Elói Corrêa/GOVBA Por: Redação BNews

A Bahia Mineração S/A (Bamin) arrematou o trecho 1 da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) por 32,730 milhões de reais, em leilão digital do Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), nesta quinta-feira (8).

A extensão concedida pelo Ministério da Infraestrutura compreende 537 quilômetros entre as cidades de Ilhéus e Caetité, na Bahia.

Pelo contrato, a Bamin, que foi a única participante do leilão, ficará responsável pela finalização do empreendimento e operação do trecho. A concessão tem validade de 35 anos.

O investimento total, segundo a pasta, será de R$ 3,3 bilhões. Desse total, R$ 1,6 bilhão será utilizado para a conclusão das obras, que estão com 80% de execução.

O Ministério da Infraestrutura estima que a concessão da Fiol deve gerar 55 mil empregos diretos, indiretos e efeito-renda. A expectativa é de que o trecho 1 da Ferrovia de Integração Oeste-Leste entre em operação em 2025.

O traçado da Fiol 1 atravessará os municípios baianos de Ilhéus, Uruçuca, Aureliano Leal, Ubaitaba, Gongogi, Itagibá, Itagi, Jequié, Manoel Vitorino, Mirante, Tanhaçu, Aracatu, Brumado, Livramento de Nossa Senhora, Lagoa Real, Rio do Antônio, Ibiassucê e Caetité.

A ferrovia será o modal de transporte para cargas como minério de ferro, alimentos processados, cimento, combustíveis, soja em grão, farelo de soja, manufaturados, petroquímicos e outros minerais.

No início das operações, 16 locomotivas e 1,4 mil vagões farão a operação. Destes, 1,1 mil devem ser destinados ao escoamento de minério de ferro. Em dez anos, de acordo com o Ministério da Infraestrutura, a expectativa é chegar a 34 locomotivas 2.600 vagões.

Fiol

A Ferrovia de Integração Oeste-Leste, com outros dois trechos, 2 e 3, será um corredor de escoamento com 1.527 quilômetros de trilhos, ligando o porto de Ilhéus, no sul baiano, à cidade de Figueirópolis, no Tocantins, onde se conectará com a Ferrovia Norte-Sul.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar