Educação

Benefício para estudantes e familiares da rede estadual de ensino é depositado neste sábado (10)

Divulgação

Os R$ 150 podem ser utilizados na compra de alimentos, material escolar ou outra necessidade familiar

Publicado em 10/07/2021, às 11h05    Divulgação    Redação BNews

Estudantes e familiares da rede estadual de ensino receberam, neste sábado (10), o crédito mensal de R$ 150 do Bolsa Presença, política de assistência estudantil do Governo da Bahia. O valor está disponível nos cartões entregues pela Secretaria da Educação do Estado (SEC) e pode ser utilizado na compra de alimentos, material escolar ou outra necessidade familiar.

Com o objetivo de manter os alunos nas atividades letivas, o programa beneficia famílias dos estudantes em condição de vulnerabilidade socioeconômica e cadastradas no CadÚnico. Este é o terceiro dos seis créditos previstos pelo Bolsa Presença.

De acordo com a SEC, o Bolsa Presença pretende alcançar 311 mil famílias de 357 mil estudantes da rede estadual de ensino.  “Minha mãe está desempregada e vou utilizar esta parcela para comprar alimentos no supermercado. O auxílio do Bolsa Presença tem sido de grande importância em minha residência e na de outros colegas da escola pelo fato de ser uma ajuda financeira, além de ser um incentivo para a presença nas aulas on-line diante da realidade atual em que vivemos”, explicou o estudante Kauan da Silva, de 16 anos. 

Kauan está no 2º ano do Colégio Estadual Ministro Aliomar Baleeiro, em Salvador. Ele também recebe R$ 55 do Vale-alimentação estudantil. 

“Só no Bolsa Presença, o governo do Estado destina R$ 208 milhões para as seis parcelas. Se somarmos com o Vale-alimentação Estudantil e o Mais Estudo, que é um programa de monitoria em Língua Portuguesa e Matemática, são mais de meio bilhão de reais de recursos próprios do Estado voltados para assistir financeiramente aos estudantes e suas famílias, com a finalidade de garantir que o estudante permaneça na escola e continue seu percurso educacional”, disse o secretário de Educação, Jerônimo Rodrigues.

Novo crédito

O crédito do Programa Vale-alimentação Estudantil (PVAE) será efetuado na próxima quinta-feira (15). Se a família recebe o Bolsa Presença, o estudante também receberá o PVAE, pois os benefícios são acumulativos. 

O Vale-alimentação Estudantil foi dividido em sete parcelas de R$ 55, o que representa um investimento de R$ 316 milhões com recursos próprios do Estado. O objetivo é dar segurança alimentar aos estudantes e de suas famílias. 

Ainda segundo a SEC, têm direito ao benefício todos os estudantes matriculados na rede estadual de ensino, ou seja, cerca de 900 mil alunos. Os R$ 55 são exclusivos para a compra de alimentos, em mais de 20 mil estabelecimentos credenciados nos 417 municípios baianos, além de distritos e povoados.   

Os estudantes e pais/responsáveis que tiverem dúvidas sobre o Bolsa Presença e o vale-alimentação devem entrar em contato com a escola onde está matriculado ou pelos canais da Ouvidoria (0800 284 0011 e e-mail [email protected]). Outras opções são as contas do Facebook (@ouvidoriageraldabahia) e do Instagram (@ouvidoriageralbahia) da Ouvidoria Geral do Estado.

Classificação Indicativa: Livre