Eleições / Eleições 2022

Lula diz que não crê em golpe de Bolsonaro: 'Se brincar com democracia, pagará caro'

Ricardo Stuckert

Durante entrevista ao UOL, ao comentar possibilidade de golpe de Bolsonaro, Lula disse presidente não tem "inteligência e bom senso"

Publicado em 27/07/2022, às 17h24    Ricardo Stuckert    Redação BNews

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quarta-feira (27), durante entrevista ao portal UOL, que não acredita em um golpe do presidente Jair Bolsonaro (PL) caso este perca as eleições. Ele disse que as Forças Armadas não apoiariam um rompimento democrático.

Em discurso durante a convenção que o lançou à reeleição, Bolsonaro convocou apoiadores para irem às ruas na data, disse que a manifestação em 7 de setembro será "a última vez" que os apoiadores irão às ruas e atacou novamente o Supremo Tribunal Federal (STF), chamando os ministros de "surdos de capa preta".

"Acho que ele vai tentar fazer o que quer fazer. A gente deve ter em conta que militares são mais responsáveis que Bolsonaro. Convivi com militares e não tenho queixa do comportamento das Forças Armadas. Mantive oito anos de convivência da forma mais digna possível", afirmou.

Ainda na avaliação de Lula, "essas bobagens que Bolsonaro fala não têm apoio dos militares da ativa, do alto comando". "Ele só pode ser considerado chefe supremo quando é sério, fala coisa com coisa e respeita instituições. Ele fala 'meu Exército', mas não é dele. Ele foi expulso do Exército por má conduta. Então como a gente pode pensar em golpe? Não acredito em golpe, não acredito que as Forças Armadas pensem nisso. Se ele começar a brincar com democracia, ele vai pagar caro", completou.

O ex-presidente disse ainda que Bolsonaro não tem "inteligência e bom senso" ao convocar apoiadores para os atos de 7 de Setembro, como já havia feito no ano passado. 

"O presidente que aí está, se tivesse bom senso e inteligência, estaria promovendo em 2022 o 7 de setembro como uma grande festa cívica de 200 anos de Independência. Avaliar o que foi feito e o que vamos fazer. Não, ele quer transformar os 200 anos em marco dele, fazer motociata, quem sabe com estátua de Tiradentes, ele quer brincar com data nobre, ele não vai ter sucesso. O povo sabe que Independência não é dele, é uma conquista da sociedade brasileira. É coisa séria", enfatizou.

Ainda durante a entrevista, Lula criticou ainda as falas de Bolsonaro contra o sistema eleitoral brasileiro. "Democracia é a única forma política de garantir liberdade. Não pode permitir que mentira causada por um bronco, que todo dia conta seis ou sete mentiras em lives, tenha força nesse país", disse.

Siga o TikTok do BNews e fique por dentro das novidades. 

Classificação Indicativa: Livre